Trump faz teste para coronavírus e espera resultado em um ou dois dias

EUA estendem proibição de viagens à Irlanda e ao Reino Unido

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, fez um teste para coronavírus, mas disse, neste sábado (14), que sua temperatura estava “totalmente normal”. Também hoje o presidente anunciou que seu governo estenderá a proibição de viagens ao Reino Unido e à Irlanda para tentar conter uma pandemia que tem afetado grande parte da rotina norte-americana.

Depois que autoridades da Casa Branca tomaram a decisão, sem precedentes, de verificar a temperatura dos jornalistas que entram na sala de imprensa, Trump afirmou a repórteres que fez um teste para o vírus na noite de sexta-feira (13)  e que espera os resultados em “um ou dois dias”.

Trump fez o exame após ter se reunido com uma delegação do Brasil na semana passada. Um dos integrantes da comitiva brasileira, o secretário de Comunicação de Governo, Fábio Wajngarten, teve resultado positivo para coronavírus.

O presidente dos Estados Unidos disse ainda que norte-americanos devem reconsiderar viagens não essenciais e que sua administração está avaliando restrições a viagens domésticas.

Casos passam de 2.200 no país

O principal especialista em doenças infecciosas dos EUA, o diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, Anthony Fauci, disse que o país registrou 2.226 casos do novo coronavírus, mas ainda não atingiu o pico do surto.

“Isso vai piorar antes de melhorar”, declarou o cirurgião-geral Jerome Adams, em entrevista coletiva, acrescentando que “99% das pessoas vão se recuperar. E elas precisam saber disso”.

O vice-presidente Mike Pence, responsável pela resposta do governo ao surto, disse a repórteres que o governo dos EUA estenderá ao Reino Unido e à Irlanda proibições de viagens que foram impostas primeiramente à China e ampliadas nesta semana para a Europa continental.

Divulgação da Noticia – Site AgenciaBrasil.EBC.com.br- Foto Reproduçao Image internet