Romeu Zema participa do Congresso Brasileiro de Mineração, em Belo Horizonte

Governador participa da Abertura da Exposibram- Feira de Mineração. Data: 09-09-2019. Foto: renato Cobucci / Imprensa-MG

O governador Romeu Zema participou, nesta segunda-feira (9/9), no Expominas, em Belo Horizonte, da abertura da Expo & Congresso Brasileiro de Mineração – Exposibram 2019, o maior evento da mineração realizado na América Latina. A solenidade, que também contou com a participação do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e CEOs de mineradoras, reuniu expositores de 29 países com objetivo apresentar temas fundamentais para estabelecer qual será o futuro da mineração no Brasil.

Durante a solenidade, Zema destacou medidas adotadas pela gestão para reduzir os gastos e equilibrar as contas públicas. “É notória a situação financeira do Estado, talvez o que tenha maiores dificuldades entre todas as unidades da federação, mas, em vez de lamentarmos, estamos com as mangas arregaçadas, e conseguimos alguns avanços expressivos. Do lado das despesas, conseguimos grandes reduções. Tudo o que é possível economizar, da mesma maneira que se faz em uma empresa privada, dentro dos limites legais, nós temos feito. Ainda temos muito o que fazer, mas pelo menos já não estamos mais caminhando rumo ao abismo em que o Estado estava até o ano passado”, disse ele, que também reafirmou a necessidade de aprovação de reformas para a retomada econômica em Minas Gerais.

“A questão das contas públicas é essencial em Minas e no Brasil. Aqui em Minas, encaminharemos nas próximas semanas para a ALMG projetos de lei que permitirão que o Estado volte a ter esse equilíbrio tão desejável e importante. Tenho certeza que os demais Poderes não irão fugir da responsabilidade que todos nós temos”, afirmou.

Durante a solenidade, o governador participou de uma homenagem às vítimas das rupturas das barragens de Fundão e Feijão, em Mariana e Brumadinho, e às corporações mineiras que atuaram no salvamento e resgate dos atingidos (Corpo de Bombeiro de Minas GeraisPolícia Civil de Minas GeraisPolícia Militar de Minas Gerais e Defesa Civil de Minas Gerais).

Segundo o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, o governo federal trabalha ao lado da gestão estadual no atendimento às vítimas e reforçou ações de prevenção contra acidentes.

“Não temos medido esforços para atender os atingidos por essa tragédia e adotar medidas de prevenção. Desde fevereiro, cerca de 180 barragens foram vistoriadas sob o critério de risco, de recuperação ambiental e mitigação dos danosos impactos sob o setor siderúrgico. Além disso, temos atuado junto ao Congresso Nacional com o propósito de aperfeiçoar o marco legal da mineração tornando-o mais eficaz, principalmente na defesa da sustentabilidade social e ambiental”, disse. Ele afirmou ainda que se encontra em desenvolvimento um observatório da mineração, “onde estarão compilados dados de pesquisa e de produção, proporcionando subsídios necessários para a elaboração de políticas públicas para o setor.”

Também participaram da solenidade o vice-governador do Estado de Minas Gerais, Paulo Brant; o secretário de Desenvolvimento Econômico, Manoel Vitor de Mendonça; o presidente do Conselho Diretor do Instituto Brasileiro de Mineração, Wilson Nélio Brumer; o diretor-presidente do Ibram, Flávio Ottoni Penido; o secretário de Política Externa Comercial e Econômica do Ministério das Relações Exteriores, embaixador Norberto Moretti; o secretário de Geologia, Mineração e Transformação Mineral, Alexandre Vidigal De Oliveira; o senador Carlos Viana; entre outras autoridades.

Polícia 4.0

Logo após a visita à Exposibram, Romeu Zema participou da apresentação do programa “Polícia 4.0”, no 5º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, em Belo Horizonte, e conheceu o processo de fabricação de coletes balísticos da corporação.

Os militares fizeram uma demonstração das tecnologias utilizadas pela polícia mineira atualmente, como câmeras de videomonitoramento, recursos de reconhecimento facial e o 190 Smart, uma ferramenta de controle e coordenação de viaturas que permite localizar e empenhar veículos por meio de tablets, potencializando o serviço operacional.

Divulgação da Noticia – Site Agencia Minas – Mensagem

Logo após a visita à Exposibram, Romeu Zema participou da apresentação do programa “Polícia 4.0”, no 5º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, em Belo Horizonte, e conheceu o processo de fabricação de coletes balísticos da corporação.

Os militares fizeram uma demonstração das tecnologias utilizadas pela polícia mineira atualmente, como câmeras de videomonitoramento, recursos de reconhecimento facial e o 190 Smart, uma ferramenta de controle e coordenação de viaturas que permite localizar e empenhar veículos por meio de tablets, potencializando o serviço operacional. – Foto Renato Cobucci/Imprensa MG