PCMG prende suspeito de tentar matar a ex-companheira em Montes Claros

Um homem de 28 anos foi preso pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), investigado por tentar matar a ex-companheira, em Montes Claros, região Norte do Estado. O mandado de prisão preventiva foi cumprido na terça-feira (9). As investigações apontam que o suspeito golpeou a vítima, de 26 anos, com um facão por diversas vezes.

O fato ocorreu no último dia 26 de março. Mas antes do crime a mulher já tinha feito denúncias contra o ex-companheiro em razão das constantes agressões. Por intermédio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), a Polícia conseguiu três medidas protetivas devido ao histórico de violência doméstica do homem contra a vítima.

A Delegada Karine Costa Maia relata que, no dia do crime, a vítima foi à casa do ex-companheiro buscar uma das filhas. ¿Ele, possivelmente, estava com ciúmes por ela ter saído na noite anterior. Então, pegou um facão e começou a golpeá-la. Ela fugiu para a casa de uma vizinha, o investigado a perseguiu e continuou a aplicar os golpes. A vítima teve alguns cortes e arranhões, mas nenhum órgão foi atingido”, explica.

De acordo com a Delegada, a vítima chegou a fugir para a casa de parentes por medo. ¿Inclusive, ela recebeu recados do suspeito, afirmando que iria terminar o serviço, iria matá-la”, conta. Em depoimento, segundo Karine Maia, o suspeito alegou que a vítima teria chegado a casa dele e o atacado com golpes de facão. ¿Mas isso não se comprovou e também não tem nenhuma testemunha que confirme essa versão”, ressalta.

O suspeito, que possui registros por furto, roubos, agressão e ameaças, foi encaminhado ao Sistema Prisional e está à disposição da Justiça. Desta vez, ele pode responder por tentativa de feminicídio.

Divulgação da Noticia – ASCOM-PCMG  – Foto Divulgação/PCMG