No sábado, Red Cross Boston distribui 45 mil quilos de alimentos e centenas de perus para o Thanksgivin

No sábado, 21 de novembro, a American Red Cross Boston Food Pantry doou mais de 45.000 quilos de produtos nutritivos e produtos para refeições de Ação de Graças, bem como centenas de perus para famílias necessitadas.

A Red Cross Boston Food Pantry registrou um aumento significativo no número de clientes desde março, quando a pandemia começou, devido à insegurança alimentar causada pelo COVID-19. Somente entre julho e outubro de 2020, foram distribuídos mais meia tonelada de alimentos por meio de várias missões, um aumento de 17% em relação ao mesmo período do ano passado. Isso inclui 55.000 crianças menores de 17 anos (244% a mais que no mesmo período de 2019).

Protocolos rígidos de segurança contra o coronavírus estão em vigor durante todas as missões da Cruz Vermelha, incluindo a distribuição da despensa de alimentos. Todos os voluntários e funcionários usavam máscaras e praticaram o distanciamento socialmente. Os clientes que estavam em carros chegavam e abriram os porta-malas para que um voluntário colocasse as refeições diretamente no carro. Quem foi a pé pegava a comida que era colocada em uma mesa, após o voluntário se afastar.

A distribuição aconteceu na Despensa de Alimentos da Red Cross, localizada no 1033 Massachusetts Avenue, em Boston (Massachusetts).

Sobre a Red Cross:

A Red Cross abriga, alimenta e oferece apoio emocional às vítimas de desastres; fornece cerca de 40% da doação de sangue dos Estados Unidos; ensina habilidades que salvam vidas; fornece ajuda humanitária internacional; e apoia membros militares e suas famílias.

A Red Cross Boston Food Pantry é uma das maiores despensas de alimentos de Boston e tem servido como um recurso confiável para pessoas que enfrentam problemas de insegurança alimentar desde 1982.

Para obter mais informações, acesse o site www.redcross.org/ma ou www.CruzRojaAmericana.org.

Você também pode seguir a organização nas redes sociais: @RedCrossMA, no Twitter, Facebook e LinkedIn.

Divulgaçao da Noticia –  Site BrazilianTimes.com – Fonte – Redação – Brazilian Times – Foto Reproduçao Imagem Internet