Lei que pune “cidades-santuário” para imigrantes entra em vigor na Flórida

A lei que pune as “cidades-santuário” entrou em vigor nesta terça-feira, dia 1º de outubro, no estado da Flórida, onde passa a ser obrigatório que as autoridades locais colaborem com o escritório nacional de imigração e com as ordens de prisão que visam a deportação de refugiados.

A nova legislação passa a valer após uma juíza Beth Bloom, de um tribunal de Miami, rejeitar os recursos de grupos organizados civis e de outros de defesa dos imigrantes nos Estados Unidos.

Assinada pelo governador republicano Ron DeSantis, forte aliado do presidente Donald Trump, a lei na Flórida, curiosamente, não afeta nenhuma cidade, já que não existe nenhuma classificada como “santuário” no estado, que tem 20% de população estrangeira.

Grupos de defesa dos direitos humanos questionaram que a nova lei é inconstitucional, porque obriga as polícias locais a atuarem como “agentes ilegais” de imigração, impedindo que os governantes de cidades promulguem políticas de segurança pública.

Divulgação da Noticia – Site BrazilianTimes.com –  Fonte: Redação – Brazilian Times – Foto Reprodução Imagem Internet – Mensagem Juíza Beth Bloom, do um tribunal de Miami, rejeitou os recursos de grupos organizados civis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RECENTES