ICE prende 443 imigrantes em uma semana em “Cidades Santuários”

Agentes do Departamento de Imigração e Fiscalização Aduaneira (ICE, sigla em inglês) em todo o país prenderam centenas de imigrantes indocumentados na semana passada, durante uma ação que durou cerca de sete dias.

Do Colorado e Wyoming à Nova Inglaterra, agentes prenderam 443 imigrantes que haviam cometido outros crimes ou que tinham apenas violações das leis de imigração.

De acordo com um relatório divulgado pela agência, foram presos 42 imigrantes criminosos no Colorado e Wyoming durante um período de 5 dias que terminou na quarta-feira, dia 25. Um comunicado de imprensa da agência disse: “A maioria dos imigrantes visados pelos oficiais durante essa ação tinha antecedentes criminais; nove tem acusações criminais pendentes”.

Os crimes cometidos por esses indivíduos incluem agressão, violência doméstica, agressão sexual, crimes envolvendo drogas, entre outros.
John Fabbricatore, diretor interino do escritório de campo do Enforcement and Removal Operations (ERO) em Denver, disse: “Nossos oficiais ainda estão trabalhando na detenção de muitos criminosos perigosos. Sempre mantemos nossas comunidades do Colorado a salva das ameaças e vamos protegê-las de proteger de imigrantes criminosos”.

Outra operação no norte do Texas e Oklahoma, que resultou na prisão de 49 imigrantes indocumentados, 33 dos quais tinham antecedentes criminais. Onze dos imigrantes não tinham antecedentes criminais, enquanto cinco tinham acusações criminais pendentes. Violência doméstica, agressão sexual a uma criança, roubo e dirigir embriagado, entre outros são os crimes cometidos por eles.

No sul do Texas, 45 imigrantes criminosos foram presos, em San Antonio, Austin e arredores. De acordo com as informações, 88% dos detidos tinham antecedentes criminais, incluindo acariciar uma criança, dirigir sob influência, agressão e crimes relacionados a drogas, entre outros.

“Quatro dos presos eram fugitivos do ICE com uma ordem final de deportação; 27 entraram ilegalmente nos Estados Unidos depois de terem sido deportados anteriormente, o que é considerado um crime. As 14 prisões restantes foram processadas como imigrantes removíveis, ou seja, não tinham crimes nem recordes criminais, mas estavam vivendo ilegalmente no país”, afirmou o comunicado de imprensa.

Foram presos 46 em Michigan e Ohio, 45 na Pensilvânia, 52 em New Jersey e 82 em New York.

O escritório do ICE em Boston divulgou a prisão de 80 pessoas em toda a Nova Inglaterra, incluindo Massachusetts, Rhode Island, Connecticut e New Hampshire. Os crimes relacionados a eles são alguns violentas, crimes sexuais com crianças, entre outros.

“No ano passado, a maioria desses indivíduos seria entregue ao ICE pelas autoridades locais após sua libertação da prisão com base em pedido de custódia. Mas como estas regiões são consideradas santuários, os imigrantes não eram direcionados para a agência federal de imigração”, finalizou o comunicado.

Divulgação da Noticia – Site BrazilianTimes.com –  Fonte: Redação – Brazilian Times – Mensagem Operação durou uma semana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RECENTES