ICE mantém preso imigrante candidato a doutorado que luta contra câncer em estágio quatro

Um candidato a doutorado, de 24 anos de idade, na Universidade de Yale e Dreamer, está recebendo apoio público na tentativa de impedir que sua mãe, que enfrenta câncer em estágio 4, seja deportada. Tânia Romero, uma imigrante hondurenha e mãe de quatro filhos, enfrenta deportação após ser presa por uma infração de trânsito.

O seu filho, Cristian Padilla Romero, afirma que a condição dela pode piorar se for deportada. Ele criou uma petição pedindo ao Departamento de Imigração e Alfândega (ICE, sigla em inglês) que “seja humano” e solte sua mãe para lutar contra o caso dela em liberdade e para que ela possa se recuperar completamente de uma longa batalha contra o câncer.

Desde que foi lançada, na semana passada, a petição obteve 29.292 assinaturas de 30.000 necessárias.

“Ninguém realmente merece ser detido pelo ICE, mas minha mãe, em particular, que está se recuperando de um câncer e cuja saúde está debilitada no momento, precisa ser liberada o mais rápido possível”, afirmou o jovem.

De acordo com as informações, Tânia foi detida por uma infração de trânsito, em agosto, em Gwinnett, Condado da Geórgia. No dia seguinte, ela foi colocada sob a custódia do ICE, onde está até hoje e enfrenta deportação aparentemente iminente. Além disso, ela que tem 48 anos de idade, está se recuperando do câncer bucal no estágio 4 e em tratamento contínuo. “Eu cresci neste país. Minha mãe é a maior razão de eu estar em uma escola como a Yale”, disse Cristian. “Ela me guiou, trabalhou em três empregos para me sustentar”, continuou.

Tania trouxe Cristian, que é beneficiário da Ação Diferida para Chegadas de Infância (DACA), aos Estados Unidos quando ele tinha apenas sete anos de idade. Ela chegou há duas décadas e criou seus quatro filhos em Atlanta.

Ela manteve vários empregos, como empregada doméstica, lavadora de pratos e lavanderia antes de se estabelecer em trabalhos de construção em tempo integral.

Divulgaçao da Noticia – Site BrazilianTimes.com – Fonte: Redação Brazilian Times – Foto Reproduçao Imagem Internet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

RECENTES