Hospital Municipal é certificado por práticas de segurança a pacientes

Certificação do Governo Estadual avalia 21 indicadores de estrutura e serviços de saúde

O reconhecimento na qualidade dos serviços prestados é gratificante para qualquer profissional ou instituição. Para os servidores do Hospital Municipal (HM), neste ano de pandemia, isto ganha uma proporção ainda maior. O HM foi certificado pelo Governo do Estado com a classificação de alta conformidade na “Avaliação das Práticas de Segurança do Paciente”. A avaliação é realizada anualmente em todo país desde 2016 em unidades que possuem leitos de UTI, com análise de 21 indicadores de estrutura e processo em serviços de saúde.

​         O Hospital Municipal possui o Núcleo de Segurança do Paciente (NSP), que desde 2014 conta com o trabalho de uma equipe multidisciplinar para garantir que o período em que os pacientes estiverem sob os cuidados dos servidores do hospital seja cada vez mais humanizado e eficaz.

A enfermeira Andressa Abreu destaca que essa certificação do Governo do Estado demonstra a excelência do Hospital Municipal e dos profissionais da saúde. “Receber esse certificado após um ano tão desafiador como foi 2020 é a certeza que estamos no caminho certo. É o reconhecimento de um trabalho que vem desde 2014, com a criação do Núcleo de Segurança do Paciente, e da persistência em acreditar que é possível melhorar”, disse.

De acordo com a farmacêutica Paula Alves Ferreira, o certificado é resultado de um trabalho em equipe. “Quanta emoção ter a oportunidade de colher os frutos de uma sementinha plantada há cinco anos. É muito gratificante perceber que apesar de todas as adversidades, é possível alcançar resultados melhores com muito esforço, dedicação e trabalho em equipe”, exclamou.

Por fim a Secretária de Saúde, Caroline Sangali, reitera que a segurança do paciente é de suma importância para os gestores e profissionais de saúde. “Parabenizo e agradeço a todos os envolvidos neste processo tão importante que tem como objetivo principal oferecer assistência de qualidade e segura a os pacientes”, finalizou.

Divulgação da Noticia – Site GazetaMinas.com – Fonte Secxom PNGV – Foto Reprosdução  Imagem Internet