Governo Minas aumenta número de cursos oferecidos na Semana Fazendeiro

Ex-aluna da UFV, secretária Ana Valentini participou da abertura e destacou contribuição do evento para a agricultura brasileira

A Semana do Fazendeiro, tradicional evento da Universidade Federal de Viçosa (UFV), começou no último sábado com uma extensa programação, que segue até sexta-feira (19/7). A abertura do evento foi realizada na noite desta segunda-feira (15/7) e contou com a presença da secretária da Agricultura, Ana Valentini.

Nesta edição, os órgãos da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) aumentaram sua participação e vão oferecer, ao todo, 80 cursos (62 pela Emater-MG, 13 pelo IMA e cinco pela Epamig), além do 1º Fórum Estadual do Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa, realizado nesta manhã (16/7), do torneio leiteiro, Semana da Juventude e da Mulher Rural, e palestra sobre a metodologia de Zoneamento Ambiental e Produtivo (ZAP).

A programação sob a responsabilidade da Secretaria de Agricultura vai abordar temas variados, como aplicação de medicamentos, vacinas, castração de bovinos, boas práticas agrícolas de plantas medicinais e plantas alimentícias não convencionais, construção de miniestações de tratamento de esgoto, conservação de solo e água, processamentos de vegetais, apresentação das principais atividades do IMA relacionando-as à alimentação diária e à importância do órgão na cadeia produtiva da gastronomia, cultivo, boas práticas na fabricação de cachaça e no manejo da lavoura cafeeira, dentre outros.

UFV

Ex-aluna da universidade de Viçosa, a engenheira florestal Ana Valentini externou sua alegria em retornar ao campus no ano em que completa 35 anos de formada e na condição de secretária de Estado. “É uma alegria muito grande voltar à UFV representando o governo e com a vivência de produtora rural, trajetória que desempenhei por 33 anos no Noroeste de Minas e conheço bem”, pontuou.

A UFV é a precursora da extensão rural no Brasil, e, na avaliação da secretária, é muito difícil para qualquer técnico conseguir medir o quão importante é a Semana do Fazendeiro para o desenvolvimento da agricultura no Brasil. “Este importante trabalho de disseminação do conhecimento junto aos produtores rurais começou aqui, e o país deve muito da pujança do agronegócio a esta universidade”, disse, ao se referir aos 90 anos de história do evento.

A secretária falou, ainda, sobre a relação da UFV com a Emater-MG, vinculada da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ela lembrou que, desde a criação da Associação de Crédito e Assistência Rural (ACAR), em 1948, a hoje Emater-MG, há uma intensa parceria de trabalho entre as duas instituições. “Por muitos anos, o CEE (Centro de Ensino e Extensão) da universidade abrigou e capacitou os profissionais da Emater-MG, tanto em cursos de pré-serviço como ao longo de suas vidas de extensionistas. Com o tempo, a parceria se estendeu também à Epamig e ao IMA”, contextualizou.

O reitor da UFV, Demetrius David da Silva, agradeceu o apoio do Governo do Estado. “A Secretaria de Agricultura, por meio de suas vinculadas, é uma das principais parceiras da Semana do Fazendeiro e, sem esse apoio, nada do que estamos fazendo seria possível.”

VII Semana da Mulher Rural

A crescente e destacada atuação da mulher rural integra as atividades da Emater-MG na 90ª Semana do Fazendeiro. A abertura da VII Semana da Mulher Rural, na tarde de segunda-feira (15/7), também contou com a presença da secretária Ana Valentini.

“Quando me formei, comecei a me planejar para voltar para a roça. Sempre sonhei em ter um pedaço de terra para plantar. Meu pai era produtor rural e minha mãe era a típica dona de casa, que plantava horta, fazia o sabão pra gente tomar banho, cortava lã de carneiro para fazer colcha, enfim, era uma vida de muita atividade. Durante parte do ano, a única coisa que comprávamos era sal, todo o restante vinha da fazenda, da rapadura ao fubá. Para minha sorte, meu marido tinha o mesmo sonho e, por meio do Prodecer (Programa de Cooperação Nipo-Brasileira para o Desenvolvimento do Cerrado), conseguimos comprar nossa propriedade, em Bonfinópolis de Minas. Conheço bem a realidade, os desafios e as alegrias da mulher do campo, porque essa é, também, a minha realidade”, compartilhou a secretária.

As palestras “Cadeia Produtiva de Flores”, apresentada pela assessora técnica da Seapa Mariana Moreira, e “Histórias e Horizontes da Mulher Rural”, pela professora da UFV Viviane Lírio, fazem parte da programação, que conta, ainda, com dinâmicas, sorteio de brindes, visita à feira e passeio pelo campus. A estimativa da organização é que o evento reúna 1,5 mil mulheres de 55 municípios. A iniciativa visa favorecer a troca de experiências entre as participantes, facilitando a organização de novos espaços para a atuação do grupo, considerado fundamental no desenvolvimento rural.

Programação

Toda a programação da Semana do Fazendeiro está disponível no site www.semanadofazendeiro.ufv.br.

Participaram das cerimônias o deputado estadual Coronel Henrique, presidente da Comissão de Agropecuária e Agroindústria da Assembleia Legislativa de Minas Gerais; o prefeito de Viçosa, Angelo Chequer; o secretário-adjunto da Seapa, Amarildo Kalil; o presidente da Emater-MG, Gustavo Laterza; a presidente da Epamig, Nilda Soares; e o diretor-geral do IMA, Thales Fernandes, entre outras autoridades.

Divulgação da Noticia – Site Agencia Minas – Foto Reprodução Imaghem Internet Seapa