Governador Valadares: Identificação com atendimento domiciliar

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou, na última quinta-feira (5), em Governador Valadares, dois atendimentos domiciliares para confecção de documentos de identidade de duas pessoas acamadas, nos bairros Vila Mariana e Conquista.O policial civil identificador foi até a residência dos cidadãos após solicitação dos familiares deles. Um atendimento foi realizado na residência de uma idosa de 80 anos, sendo o outro na casa de um homem de 47 anos, ambos acamados e sem condições físicas de irem até a UAI (Unidade de Atendimento Integrado), onde funciona o referido Posto, para requerer seus documentos de identidade pessoalmente.
De acordo com o Chefe do Posto de Identificação na cidade, o Investigador de Polícia e Identificador José Carlos Moreira, o atendimento domiciliar pode ser requerido diretamente no Posto, por qualquer familiar de pessoa acamada que não tenha condições de requerer seu documento pessoalmente. Para tanto, é necessário que esse familiar leve a certidão de nascimento – em caso de pessoa solteira -, ou certidão de casamento – se for pessoa casada -, mais foto 3×4 do solicitante do documento de identidade. Na residência do solicitante são colhidas as impressões digitais, bem como sua assinatura.

O Posto de Identificação em Governador Valadares realiza esse serviço domiciliar tanto na cidade, quanto na área rural e distrital do município. Outras informações podem ser requeridas junto ao Posto de Identificação da cidade.

Divulgação da Noticia – Fonte ASCOM-PCMG – Foto Reprodução Imagem Internet ASCOM-PCMG