Com baixa umidade, desfile em Brasília requer cuidados com a saúde

Inmet emite aviso vermelho para todo o DF devido à baixa umidade, a capital completa 94 dias sem chover

Na última semana, a umidade do ar ficou abaixo de 10% na capital

Normalmente, a cerimônia de celebração da Proclamação da Independência, em Brasília, ocorre durante um período bastante seco, no fim da estação sem chuvas na capital. Mas o evento de hoje (7) vai movimentar a Esplanada dos Ministérios em meio a um estado de emergência em razão da baixa umidade. Neste clima, especialistas recomendam cuidados a quem for acompanhar o desfile programado.

Ontem(5) a Defesa Civil do Distrito Federal decretou estado de emergência em razão da baixa umidade, que chegou nos últimos dias a menos de 10%. Neste clima, há diversos riscos à saúde, como doenças respiratórias (rinite e sinusite) e também a possibilidade de variações na pressão arterial, o que pode impactar o bem-estar e gerar a necessidade de repouso.

“É o sistema respiratório que sofre mais. Rinite, sinusite, pneumonia e outras [doenças] decorrentes do processo inflamatório nas vias aéreas. Além deste ar muito seco, temos presença de fumaça o que possibilita desenvolvimento de problemas alérgicos respiratórios”, ressalta o pneumologista e membro da Sociedade Brasileira de Pneumonia e Tisiologia (SBPT), Carlos Viegas.