Câncer de próstata é tema de palestra no Centro Pop

Pessoas em situação de rua de Valadares receberam orientações sobre como prevenir, tratar e detectar a doença

Mais que lembrar uma data, a comemoração do dia dos pais, realizada na manhã desta terça-feira (13), no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) serviu para valorizar, acolher e incluir socialmente a população que vive nas ruas de Valadares. E ainda, resgatar a própria história, promover a integração e, claro, cuidar da saúde.

Isso porque depois de se deliciarem com um lanche e participarem do sorteio de brindes, as pessoas em situação de rua acompanhadas ou não pelo serviço, receberam orientações e tiraram dúvidas sobre assuntos relacionados à saúde do homem. As informações foram passadas pelas acadêmicas do curso de Medicina da Univale, filiadas à Federação Internacional das Associações de Estudantes de Medicina no Brasil (IFMSA Brazil) e representantes do Projeto Hearts for the Homeless – um programa de uma ONG americana que consiste em realizar atividades pontuais na área de saúde para pessoas em situação de rua.

Além disso, os participantes receberam material informativo sobre câncer de próstata. “Toda semana, visitamos três instituições de Valadares (Centro Pop, Abrigo Noturno e Consultório na Rua) e damos orientações, realizamos ações preventivas e educativas e acompanhamos a pressão arterial desse público. E ainda falamos sobre os fatores de risco cardiovascular e damos dicas quanto à importância de cultivarem hábitos de vida mais saudáveis. Eles, por sua vez, são sempre muito receptivos e ficam muito felizes quando os damos atenção. E permanecem sempre atentos às informações que passamos sobre educação em saúde. Para nós, alunos, o sentimento é de gratidão por realizar este trabalho”, explicou Luana Dias Santiago, aluna do 6º período do curso de Medicina da Univale.

“Este tipo de atividade é muito boa, porque além deles participarem, falarem da sua saúde e sanarem dúvidas, ainda veem que não estão sozinhos; que nós nos importamos com eles”, completou a coordenadora do Centro Pop, Sandra Mara.

São parceiros da ação as equipes de Abordagem Social, do Serviço de Acolhimento do Abrigo Noturno e do Consultório na rua.

Divulgação da Noticia – Fonte Secretaria de Comunicação e Mobilização Social GV – Foto Reprodução Imagem Internet